quinta-feira, abril 17, 2003

Festival
MADA pretende entrar para o hall dos grandes festivais

César Augusto Medeiros - cabugi.com

Os organizadores do festival MADA – Música Alimento da Alma, juntamente com representantes da TIM, patrocinadora oficial do evento, reuniram-se com a imprensa na manhã de terça-feira (15/03) para divulgar as novidades da edição deste ano. Na pauta, datas, artistas confirmados e novidades na estrutura.

Nesta 5ª edição do festival, além das atrações musicais, uma mostra de filmes oriundos do Festival Internacional de Animação, o Anima Mundi, e a 2ª edição do Curta Natal no Mada. Os dois eventos ocorrem na Casa da Ribeira, entre os dias 7 e 10 de maio, servindo de “aperitivo” para os shows, que vão de 15 a 17.

Denominado Animada, a primeira mostra exibirá 25 curtas animados de vários países, como República Tcheca, E.U.A., Alemanha e Brasil.. E dando continuidade à iniciativa do ano passado, a 2ª edição do Curta Natal no Mada, festival de curta-metragens de produção local. As inscrições para quem quiser participar da mostra, estão abertas até o dia 25 de abril, nas categorias documentário (até 30 minutos), ficção e experimental (até 15 minutos). A ficha de inscrição, regulamento e detalhes do Curta Natal no Mada podem ser obtidos no site www.festivalmada.com.br.

A produção do MADA recebeu material de bandas de quase todo o Brasil; as atrações nacionais selecionadas foram: Lan Lan e os Elaines (BA, Arnaldo Brandão (RJ), Pitty (BA), Veiga e Salazar (SP), Acid X (RJ), Chá de Zabumba (PE), Monoquine (SP), Zémaria (ES) e Chico Correia e Eletronic Band (PB). A cena local será representada pelas bandas Modus Vivendi, Bugs, Verdade Suprema, Agregados Família do RAP, Jane Fonda, Zero Oito Quatro e Jaraguá Mulungu. E os artistas consagrados nacionais serão: O Rappa, na primeira noite; Detonautas e Nação Zumbi na segunda; e Fernanda Abreu e Frejat fechando a última noite do festival. Apesar dos rumores que circulam pela cidade, a produção não confirmou a presença nenhuma atração internacional. Esta programação está sujeita a alterações e a grade oficial será divulgada em breve.

O MADA, que teve sua primeira edição um tanto improvisada em 1998, começa a ganhar cara de festival grande. Depois da ótima edição em 2002 (que o redimiu do fiasco de público da edição anterior), o festival volta maior ainda, com a TIM como patrocinadora oficial do evento, mais atrações e estrutura de fazer inveja a qualquer Abril Pro Rock. Aliás, o MADA está concorrendo, ao lado do evento de Recife, ao Prêmio Dynamite de Música Independente promovido pela revista de mesmo nome. Junto aos dois festivais nordestinos, também concorrem o Porão do Rock (DF), O Fim do Mundo (SP), o Rock de Inverno (PR), entre outros, colocando o MADA no patamar das grandes festas da música independente nacional.

Espera-se então um grande evento cultural para o MADA deste ano, não apenas um festival de música. Além do incentivo à cena musical local, a importância da festa se dá com o intercâmbio entre artistas independentes, mídia especializada, “olheiros”, e é claro, o público natalense e de cidades vizinhas. Um amostra da pulsante cena alternativa nordestina e nacional, fugindo um pouco do eixo Rio-São Paulo. E o Abril Pro Rock que se cuide!

fonte: # postado por lala : 01:35




<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?