sábado, novembro 29, 2003

Uma breve biografia(não autorizada) sobre esmeraldo.

Esmeraldo rapaz faceiro e serelepe. Oriundo dos anais dos anos oitenta, ainda criança já fazia suas primeiras experimentações eletrônicas, quando, muito levado e sapeca(hahahah), ele desmontava os eletrodomesticos de sua mãe para construir aparelhos que ele usava para criar seus samples. Depois disso sua mãe, preocupada com o futuro do filho e com o prejuizo dos eletrodomesticos, resolveu lhe presentiar com o seu primeiro sintetizador( um cassio CA100 com a cara do michael jackson). Ai se tem inicio a saga de Chico correa. Apos alguns anos em uma de suas varias peregrinações pelo mundo(atras loop perfeito) ele encontrou nas montanhas do Tibet, o invetor do sax,Stephan "ferris" Buller,que, resolveu virar um eremita, e meditar sobre o signo jazz. Esmeraldo resolveu convidar o mestre saxofinista para acompanha-lo na busca pelo calice sagrado,ou melhor, loop sagrado....Então eles entraram na selva e encontraram um gua...CONTINUA

quinta-feira, novembro 27, 2003

Mais um capitulo escrito, ou melhor, gravado no peixe boi( ou se preferir estudio de maurelianozinho macedo). Entre as loucuras de sempre, e as novas que sempre surgem, tivemos um dia tranquilo no estudio, com fabiano( o discipulo de "kristhina"), que com sua frase: "vamos ser profissionais"(hehehehe) tenta minimizar as loucuras, ou melhor, a tiração de onda dentro do estudio. A precença não menos inlustre de Carlos "golfinho" Dowling( se escreve assim?), e seu fiel escudeiro Tiago Pena, com sua capturas imageticas, já dão ideia de como foi o dia de ontem dentor do estudio, sem falar do alatoia dos registros sonoros galeguinho macedo. Sthepan gravou algumas faixas, mais estamos sentido falta da precença de cassiano e nazareno para conpletar a diversão. É... entre folhas, risadas, loucuras e muita musica, esta sendo otimo estes dias de trabalho no Peixe Boi...

quarta-feira, novembro 26, 2003

como diria lala: e-band em ação!


valeu shiko e cabral pelas fotos!

terça-feira, novembro 25, 2003

Amanhã(quarta) novas sessões de gravação lá no peixe boi, ou melhor, galeguinho macedo estudios(hehehe), pela manhã a partir das 10:00hs e a tarde a partir das 14:02, e tb quinta pela manhã.
ontem fui no programa "segunda mão", na Campina FM, um programa de música alternativa que rola toda segunda-feira, de 22:00 às 0:00. muito bom, muito bom: uma bagunça dentro do estúdio, eu, orlando carlos, bob rosa, estrela, os locutores filipe e laércio, e mais algumas pessoas por lá... falamos do cc&e-band, do tim, e rolamos no meio da programação, algumas músicas do chicocorrea, uma do erik truffaz e, antologicamente, um côco do "côcos: alegria e devoção"!

valeu pra o pessoal da rádio pelo espaço!!

segunda-feira, novembro 24, 2003

Vitor Cade voce???
Tentei falar contigo o dia todo, pra remarcar no estudio, cade minha guitarra??? preciso fazer o guia pra vc...ia fazer hj...
liga ae, pra ver se amanah agente pode gravar e ..deixao cel ligado, nem que seja no silencioso pra vc saber qdo agente precisa falar contigo...
www.revistabala.com.br

"Chico Correa & Eletronic Band

O palco LAB do Tim Festival no sábado, 1º de novembro, nos apresentou uma nova tendência da cena eletrônica nacional. Tudo bem, no line-up tínhamos gente do calibre de Coldcut e Front 242, mas, no geral, quem surpreendeu foram os brazucas, que entraram como meros coadjuvantes.

Quem só teve a perder foram aqueles radicais que não estavam abertos a novas tendências da música eletrônica brasileira. O e-repente-embolada de Chico Correa e sua Eletronic Band veio para ficar. E quem duvidava disso saiu boquiaberto do MAM. "Entendidos" tiveram a certeza de que lá em cima tem gente disposta a misturar muita mais do que programas e loops de computador. O lance é pegar uma voz aqui, um triângulo acolá e mandar ver.

E foi isso que Esmeraldino (o verdadeiro Chico Correa) fez: ao lado de um DJ que arrebentava nos scratches e do lado oposto de sua banda "eletrônica", ele comandava os loops, orquestrava os beats e enchia de orgulho os entusiastas de plantão que chegaram cedo para o confere. "Carcará", em uma versão inacreditável, nos fazia entender que o "espírito de Lampião" estava mesmo encarnado nos cabras. "Serená Serená", futuro hit, e "Afrotech" foram os outros destaques que, mesmo com um som deficiente (a voz da cantora Larissa estava quase inaudível), deixaram aquele gostinho de quero mais. (Joca Vidal)"

tcharam!!!!
Créditos para Carlos Dowling e Igor Cabral, eis aqui o
vídeo de mangangá ao vivo!! As imagens são dos shows do Fenart e do TIM Festival, com algumas inserções das imagens usadas por Carlinhos pra VJing durante os shows.

Já que eu não fiz isso pessoalmente: Carlos e Cabral, o vídeo ficou muuito bom, muito bom mesmo!! nós vimos umas 5 vezes seguidas ontem no ensaio :)

aos desavisados: o vídeo está com uma resolução legal, e, por isso, ainda está meio grandinho (53MB)... em breve, prentedemos ter uma outra versão menorzinha, pra quem tem conexão discada.

domingo, novembro 23, 2003

i

quinta-feira, novembro 20, 2003

http://www.radiomute.com
http://www.creamfieldsba.com/

terça-feira, novembro 18, 2003

mais fenart by Cabral + Shiko:



essas eu sei que são Cabral e Shiko!

Tá, eu sei que temos um fotolog... mas eu acho mais prático postar aqui :) Vc seleciona põe no flog, cassiano?
Ah! Tbm me avisem se o blog ficar muito lento pra carregar...

A electronic band no fenart:

de quem é o crédito dessa foto, ermeraldo?

segunda-feira, novembro 17, 2003

Ontem fomos na casa de shiko... Em breve, novas camisas da cc+e-band com desenho dele!

Também em breve, vídeo ao vivo de mangangá (q é o título de uma música...), by Igor Cabral + Carlos Dowling.
foto do festasembrasilia.com.br


Tem estudio marcado pra terça, às 14:30hrs...nosso baterista ficou de contactar os interessados para um possível ensaio/aquecimento pre rec, pelo visto nao vai rolar...
bom dead line pra gravar o material: 05 de Dez, depois disso nao rola ok??? nao vou ficar lembrando ninguém de datas nem possibilidades...
falow

sexta-feira, novembro 14, 2003

Ah! Essa semana fui no show do aerotrio, e agora tenho o cd promocional deles :D




Fotos do tim!
Créditos pra Adriana Amiga-de-mari

quinta-feira, novembro 13, 2003

(...)O Tim Lab, que teve no sábado uma programação eminentemente eletrônica, começou com o paraibano Chico Correia e sua banda. Som complicado, que busca os grooves dançantes mas com uma preocupação explícita com o experimentalismo. Cacos de jazz, funk, reggae, clima improvisatório e bases com samplers e percussão nordestina mais confundiram do que levantaram a platéia (que, inegavelmente, só queria saber do headliner da noite, o grupo belga Front 242) (...)

do site clique music
chico correa e eletronic band:
galera de joão pessoa que toca um som com misto de acústico e eletronico, prá mim foi o melhor show da noite. acho que tinham umas seis pessoas no palco tocando mas parecia muito mais. viajei mesmo no som em vários momentos. a batera e o baixo mandaram muito. já comecei a noite dançando prá caramba!


do blog prato-do-dia

quarta-feira, novembro 12, 2003

Apavoramento Sound System

terça-feira, novembro 11, 2003

"(...) Melhor show nacional do festival? NÃO! O Melhor foi...

***********************************************************************

Chico Correa Eletronic Band! Eles já haviam tocado no Abril Pro Rock e no Mada. Mas no Mada eu perdi porque estava muito cedo, umas 19h. Tocaram para ninguém. É uma combinação de acid jazz com música eletrônica e uma cantora que parece ter saído de rodas de ciranda. Muito original e internacional. O que eles fazem o mundo espera lá fora. "

retirado da coluna rotação 24 horas do site london burning

destaque também para a galera do gerador zero!

segunda-feira, novembro 10, 2003

fenart, 08/11/03

foi massa!!! :D

Jogando em casa, o time se mostrou coeso, num 3-5-2 ofensivo (é, eram 8 músicos + vj + camera). Apesar das condições adversas (monitores completamente loucos no palco), o time entrou determinado em campo, respeitando os adversários, e mandou ver. Logo de cara, tivemos uma substituição: Mapa entrou jogando, apostando na habilidade individual, e foi substituído no fim da primeira música (1-2, rima!, 1-2, 1-2, rima!!) por Lala, que chamou a responsabilidade para si e decidiu a partida.

Destaque pra (i) o freestyle de Mapa, embolando sem enrolar, (ii) Carlos Dowling regendo a banda (igual à imagem da fanfarra de 1890), (iii) o ilú de cassiano, que dava pra ouvir do outro lado da cidade, de tão alto que tava no retorno dele e (iv) Rubens dançando samba-funk, um show a parte.

Fora do palco, ainda tinha alguém cantando mangangá na platéia (?!??!), e o pai de cassiano perguntando o que Lala tinha tomado :)

Esqueci de alguma coisa??

domingo, novembro 09, 2003

Chico Correa & Eletronic Band

Brasil - Após recriar, com um toque brasileiro, o nome do célebre pianista Chick Corea, o paraibano Esmeraldo Marques o adotou o nome artístico de Chico Correa e, como o instrumentista norte-americano, tratou de ampliar as fronteiras do jazz. O caminho escolhido por Chico foi o da música eletrônica e dos ritmos tradicionais de sua região, incorporados à elementos do gênero que Chick ajudou a transformar com o fusion jazz, na década de 70.

do JBonline
Chico Correa: misturou Nordeste e eletrônica. Boa programação visual, mostrando no telão comerciais antigos de Band-Aid, Gillette e pasta de dente americana, misturados com Lampião e Maria Bonita. A vocalista tinha um agudo esquisitão mas parecia ser gatinha. Um show decente, mas não chegou a empolgar a platéia, já com muitos frontmaníacos.

do site nababu.org

é...parece que tá todo mundo entrando em carreira solo.
vou me juntar com ramalhinho do reggae e fazer uma banda de dub e volto já!

"Ruídos no ChicoCorrea
Esmeraldo Marques, o ChicoCorrea da ElectronicBand, tem planos de lançar um CD. Mas não apenas o da sua ChicoCorrea & ElectronicBand. "Também tenho pensado na possibilidade de lançar material feito só com samples mesmo, sem intervenções acústicas", diz ele. E enquanto isso não rola as mp3 são liberadas no seu site."

do site do TIM festival

estamos linkados também no site 123artist.com

quinta-feira, novembro 06, 2003

Alguem grava o programa hj???
To no Fenart, tem os rabequeiros. :)


Projeto solo da volcalista da ElectronicBand:


em breve, o lançamento mais esperado do ano!!!

junto com ensemble do sertão, direto de Campina Grande:

Blog tb eh cultura:


É um animal muito esperto. O mão pelada pode ser encontrado em toda América, inclusive em nosso país. apesar de ser um animal que possui pele de pouco valor e carne horrível, os caçadores não o deixam em paz, quando capturado vivo, ele pode ser facilmente domesticado. Possuem formas arredondadas e pelos densos, patas pretas e sem pelos, chega a medir 65 cm de corpo e 35 cm de cauda, que é anelada de preto e amarelo. De hábitos noturnos, prefere lugares úmidos, pois tem grande facilidade de se locomover na lama. Alimenta-se de rãs, insetos e caranguejos, alojam-se em ocos de pau e as fêmeas geram 2 a 4 filhotes por gestação.




Foto do site www.intruzo.com.br durante o Fenart.
tcharam, nossos comments estão de volta!

quarta-feira, novembro 05, 2003

sim, estamos passando por uma crise de identidade... :p
(assim q tiver um tempinho tento dar um jeito aqui - ou se alguém se habilitar, agradeço!)
Quem mexeu no template do blog? naza, foi tu??? ficou melhor...mas cade os comments???
Ensaio HJ e sexta às 20:00 hrs ( 20:00 hrs não são 20:30 ok?)
Ah, 3 coisas pra lembrar:

Quem não viu o tim e quer saber como foi, ou viu e quer ver de novo pode assistir o especial TIM festival que vai passar na globo, dias 06 e 07 desse mês (quinta e sexta), depois do Programa do Jô.
Dia 08 Chicocorrea & Electronic Band toca no IX FENART,realizado no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa.toca depois de Escurinho e Banda Labacê e Frejat, e vai contar com algumas participações especiais.
e temos um fotolog agora!

terça-feira, novembro 04, 2003

Ok. Já que ninguém fez isso aqui, deixa eu tentar comentar coisas que eu lembro do show...

Correu tudo bem. O público se animou, tinha um monte de gente dançando e bastante aplausos.

Carlinhos mandou ver nas imagens mais do que o planejado, até :) Obrigado pra Gabriela, nossa camera-woman durante o show. As imagens que ela fazia eram usadas por Carlinhos no telão, mixado com as psicodelias conceituais bacanas dele e imagens surreais de thomas edison.

Rolou momento hip-hop, com Victor e sua boina de lado, e momento "todo mundo batendo palmas", com Dj Dal movimentando a galera...

Lucas Santana (Bacana, Sacana, Pestana, e outros milhares de sobrenomes...) e seu cavaquinho com correia deram uma força legal tbm...

Companheiro Lulú, Zoloral e Fabiano tbm não podem deixar de ser mencionados, né?

foto por Tessa Colauto
"Rio, 03 de novembro de 2003 Versão impressa


Sons eletrônicos desde a Paraíba até a Bélgica

Tom Leão

A onda do palco Lab era mostrar novidades e fazer justiça a bons veteranos. No sábado, por exemplo, o espaço foi voltado para a eletrônica em suas diversas facetas. Teve desde o regional eletronizado de Chico Correa & Electronic Band (cuja cantora parece uma cruza de Flora Purim com Tetê Espíndola, altos agudos), passando por duas revelações da cena carioca, o Gerador Zero e suas batidas robóticas (mas calientes ) e o Apavoramento Sound System, que apavorou geral com seus supergraves e fortes imagens. Cada um, à sua maneira, deu bem o recado. Na seqüência, duas “lendas vivas” da eletrônica, o duo inglês Coldcut e os belgas do Front 242. O Coldcut já foi tão vanguarda (faziam há 15 anos coisas que só agora são comuns) que soaram datados. Mas fizeram um set bem brasileiro (referências de som e imagens brazucas ), que acabou com remix de “People hold on” (seu maior hit, que lançou a cantora Lisa Stansfield) e imagens de “Orfeu do carnaval”. No adiantado da hora (quase 4h) veio o Front 242, que, também pioneiro, soube atualizar o som e deu roupa nova a seus hits, como “Headhunter” (aquela do Bonde do Tigrão) e “Masterhit”. A música eletrônica corporal, que parece trilha para aula de step avançado, bombou o tempo todo, como se diz. Deveriam ter tocado mais cedo. Muita gente abandonou o show no meio pra dar tempo de ver Peaches, que já estava se roçando em outro palco na mesma hora. "


fonte: oglobo.com

segunda-feira, novembro 03, 2003


Foto por Tessa Colauto

This page is powered by Blogger. Isn't yours?